12 de maio de 2020 às 09:07

Governo vai fazer pente-fino no auxílio emergencial

Segundo o PROCON quando qualquer conta vence em um final de semana ou feriado, o pagamento pode ser feito no próximo dia útil, sem o acréscimo de multas ou cobrança de juros.

Crédito:brmaisnews

O tribunal de contas da união e o ministério da cidadania vão fazer um pente-fino nos cadastros do auxílio emergencial. Aproximadamente 97 milhões de solicitações foram realizadas e 50 milhões de pessoas tiveram o benefício de 600 reais aprovados. De acordo com a portaria que estabeleceu o auxílio emergencial, quem prestar declarações falsas para receber o benefício será obrigado a ressarcir os valores recebidos indevidamente. Vale lembrar que o auxílio emergencial é voltado para profissionais autônomos, desempregados, microempreendedores individuais e mulheres chefe de família que tiveram a renda afetada pela pandemia da covid-19. O tribunal de contas da união realizou recentemente um pente-fino nos pagamentos do bolsa família e do BPC, o benefício de prestação continuada. Ambos os programas usam a mesma base de dados do auxílio emergencial, o cadastro único do governo federal. De acordo com o TCU, em 2019 fora 91 bilhões de reais pagos indevidamente ao bolsa família e ao BPC. A caixa informou que 94 por cento dos 50 milhões de brasileiros com o auxílio emergencial aprovado já sacaram a primeira parcela do beneficio.

Fonte: brmaisnews

comentários

Estúdio Ao Vivo