11 de março de 2020 às 08:23

Pão e combustível podem ficar mais caros com alta do dólar

Crédito:brmaisnews

Pão, eletroeletrônicos e combustível. São esses os principais itens que tendem a subir de preço com a alta do dólar. A moeda americana, usada na negociação desses bens, tem apresentado constante alta. Chegou a passar dos 4 reais e 70 centavos nesta semana. No caso dos eletrônicos, além do encarecimento do dólar, a china, principal exportador dos produtos, está com produção reduzida por conta do coronavírus, o que gera problemas no setor. O pão do brasileiro também tende a encarecer porque a maior parte do trigo usado nas padarias do país é importada da argentina, e o insumo é vendido em dólar. O petróleo, cotado de acordo com a moeda americana, é outro que não deve ficar sem alterações. Diesel e gasolina podem subir para o consumidor brasileiro. No entanto, de acordo com especialistas, há reflexos positivos na alta do dólar. O principal, é que os consumidores passam a dar preferência a produtos nacionais, e viagens pelo país, o que aquece a economia local. Segundo o levantamento semanal Focus, realizado pelo banco central, a projeção de que o dólar possa voltar para a casa dos 2 reais e vinte centavos até o fim deste ano.

 

Fonte: BRMAIS

comentários

Estúdio Ao Vivo